Captação e Reutilização de água
abril 16, 2018
Mapeamento de Processos
julho 11, 2018

Segurança no Trabalho

O sucesso da sua empresa, segurança no trabalho e a maior indústria de alumínio do mundo podem possuir muito em comum.

 

Fonte: Wikipédia.

1888 foi a data de fundação da Alcoa (luminum Company of America), a atual pioneira em produção de Alumínio do mundo, porém seu cenário nem sempre foi positivo. No ano de 1986 os dirigentes da Alcoa davam um passo errado atrás do outro: buscava expandir intensamente a empresa com inovações em novas linhas de produtos, enquanto seus concorrentes roubavam seus clientes e lucros. Os investidores esperavam por um milagre para salvar a empresa, e um ano depois, ele aconteceu: o novo Diretor Executivo da Alcoa foi anunciado. Seu nome era Paul O’Neill. Seu discurso não era baseado em lucros, impostos, mercado ou investimento, mas sim em Segurança no Trabalho.

O’Neill foi duramente criticado pelos investidores da companhia, os quais ficaram ainda mais apreensivos sobre a novo Diretor Executivo. O Histórico de segurança da Alcoa era melhor do que a média da mão de obra americana, principalmente com funcionários manipulando metais à praticamente 1.500°C em máquinas extremamente perigosas. Porém, para O’Neill, isso não era o suficiente: anualmente, diversos funcionários sofriam ferimentos muito graves, resultando em perda de dias de trabalho, medo e receio de trabalho por parte dos funcionários e produção de baixa qualidade. A pretensão foi de tornar a Alcoa a empresa mais segura dos Estados Unidos. Sua meta era de índice zero de acidentes.

Após um ano do discurso de posse de O’Neill, o lucros da Alcoa atingiram patamares nunca antes vistos. No ano de 2000, o faturamento líquido da companhia era 5 vezes maior do que em 1986, sua capitalização de mercado cresceu cerca de 27 bilhões, tudo isso enquanto a Alcoa se tornava a empresa mais segura do mundo, substituindo índices de “pelo menos um acidente por semana em suas usinas” para “anos sem um funcionário perder um dia de trabalho por conta de acidente”.

Fonte: Alcoa – Brasil.

“O’Neill acreditou que o segredo para proteger os funcionários da Alcoa era entender porque os acidentes aconteciam em primeiro lugar. E para entender por que os acidentes aconteciam, era preciso estudar como o processo de fabricação estava dando errado. Para entender como as coisas estavam dando errado, era preciso contratar pessoas que pudessem educar os funcionários sobre controle de qualidade e os processos de trabalho mais eficientes, para que fosse mais fácil fazer tudo do jeito certo, já que um trabalho correto também é um trabalho mais seguro. Todos merecem sair do trabalho tão ileso quanto chegaram, certo?”

Essa história de superação da Alcoa é a maior prova do quanto realizar um trabalho com propriedade, conhecimento e segurança pode refletir positivamente não só para o bem estar dos funcionários, mas também para o aumento da produtividade e qualidade dos produtos de sua empresa. Se interessou por Segurança no Trabalho? Acredita que a meta de zero acidentes pode transformar sua empresa assim como O’Neill transformou a Alcoa? Entre em contato conosco!

A EQ Júnior possui cases de sucesso em projetos envolvendo Gestão de Produtos Químicos e Treinamentos de segurança! Nós podemos te ajudar.

Fonte: O poder do Hábito, de Charles Duhigg.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *